Notícias
Cultivo de Peixes
Geral
08 de Fevereiro de 2024 Nicanor María Sánchez
Reunião no MPA debate regularização do cultivo do Peixe-Panga no Brasil

Encontro destaca potencial econômico e importância do diálogo com o setor produtivo para o desenvolvimento da aquicultura

 

 

Na última terça-feira (6), ocorreu uma reunião no Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA) para discutir a regularização do cultivo do Peixe-Panga no Brasil. A Secretaria Nacional de Aquicultura do MPA conduziu o encontro, que contou com a presença do Ministro da Pesca e Aquicultura, Andre de Paula, e a participação da Cooperativa dos Produtores de Pangasius de Mococa (Cooperpanga). O objetivo principal foi apresentar estudos e dados que sustentem uma proposta para regularizar a atividade produtiva relacionada ao panga.

O ministro da Pesca e Aquicultura, André de Paula, expressou total apoio ao avanço da discussão, destacando: "Esta é uma questão de grande relevância. Estamos aqui hoje para ouvir atentamente as contribuições, e quero reiterar meu compromisso em garantir que todas as decisões tomadas nesta reunião sejam devidamente implementadas pelo Ministério."

Carlos Mello, secretário executivo do MPA, enfatizou: "Nosso objetivo principal é promover um diálogo aberto com o setor produtivo. Todos os interessados terão voz ativa, pois reconhecemos sua importância para o desenvolvimento da aquicultura profissional."

 

 

Durante a apresentação, foram ressaltadas as características zootécnicas do Peixe-Panga, tais como sua capacidade de reprodução em larga escala em condições controladas, sua aceitação de rações com baixo teor proteico, seu rápido crescimento, bom rendimento de carcaça e a aceitação geral pela população consumidora. Além disso, destacou-se seu potencial para se tornar uma cadeia produtiva lucrativa e acessível à comunidade.

A secretária nacional de Aquicultura, Tereza Nelma, enfatizou a importância da união de esforços na construção dessa cadeia produtiva, afirmando: "Estamos aqui para alinhar estratégias e garantir o sucesso dessa empreitada por meio do diálogo contínuo com todos os envolvidos."

O objetivo principal do Ministério da Pesca e Aquicultura é promover e desenvolver a pesca e a aquicultura no Brasil, garantindo a sustentabilidade dos recursos pesqueiros, o crescimento econômico do setor e o fornecimento de alimentos de qualidade para a população. O Ministério busca implementar políticas e programas que promovam a conservação dos ecossistemas aquáticos, a gestão eficiente dos recursos pesqueiros e a melhoria das condições de trabalho e de vida dos pescadores e aquicultores.

 

 

O presidente da Cooperpanga, Martinho Carlos Colpani, ressaltou a necessidade de aumentar o rendimento per capita por meio da aquicultura, visando elevar a produtividade e a renda das famílias brasileiras envolvidas na cadeia produtiva para suprir a demanda por peixe no país.

Com os argumentos apresentados pelos representantes do setor, fica evidente que o Peixe-Panga representa uma promissora oportunidade na piscicultura, atendendo aos principais requisitos ambientais e zootécnicos de produção.

Fonte: Ministério da Pesca e Aquicultura - MPA

https://www.gov.br/mpa/pt-br/assuntos/noticias/reuniao-no-mpa-debate-regularizacao-do-cultivo-do-peixe-panga-no-brasil

 

Categorias
Charges
Capa Que ventania!
Que ventania!
Charge Edição nº Publicado em 18/09/2023
Informativo

Assine nosso informativo para receber promoções, notícias e novidades por e-mail.

+55 (48) 9 9646-7200

contato@aquaculturebrasil.com

Av. Senador Gallotti, 329 - Mar Grosso
Laguna - SC, 88790-000

AQUACULTURE BRASIL LTDA ME
CNPJ 24.377.435/0001­18

Top

Preencha todos os campos obrigatórios.

No momento não conseguimos enviar seu e-mail, você pode mandar mensagem diretamente para contato@aquaculturebrasil.com.

Contato enviado com sucesso, em breve retornamos.

Preencha todos os campos obrigatórios.

Preencha todos os campos obrigatórios.

Você será redirecionado em alguns segundos!