Notícias
Geral
08 de Junho de 2021 Jéssica Brol
Workshop nacional - Bioflocos na Amazônia

“Amazônia Sustentável: uma nova perspectiva para a aquicultura” esse é o tema do I Workshop Nacional sobre Tecnologia de Bioflocos (BFT) na Amazônia, organizado pelo Grupo de Pesquisa Aquicultura na Amazônia Ocidental do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCTI), em parceria com o Programa de Pós-graduação em Aquicultura da Universidade Nilton Lins em ampla associação com o Inpa.

O evento é online e vai ocorrer de 21 a 25 de junho. A programação conta com a participação de cerca de 20 pesquisadores e profissionais de instituições do Brasil, do exterior e de empresas da iniciativa privada.

De acordo com a coordenadora do Workshop, a pesquisadora do Inpa Elizabeth Gusmão, o evento busca apresentar e debater pesquisas que possam contribuir com novas tecnologias para aumentar a produtividade de espécies nativas da Amazônia, como tambaqui e matrinxã, e com a preservação do meio ambiente. O Amazonas é o estado com o maior consumo per capita de pescado do País, no entanto ainda compra boa parte do pescado que abastece o mercado local de outros estados da região Norte boa.

O sistema de bioflocos é uma tecnologia alternativa e sustentável para produção de peixes e camarões em alta densidade, que garante a qualidade e a reutilização da água por diversos ciclos, devido à ciclagem dos compostos nitrogenados, gerando o bioflocos, que são formados por microrganismos, detritos, fezes, exoesqueletos entre outros. Esses flocos, por sua vez, podem ser aproveitados pelos animais cultivados, uma vez que são ricos em proteína.

Nos últimos quatro anos, o bioflocos tem sido motivo de pesquisas aplicadas às espécies nativas da Amazônia desenvolvidas pelo Inpa em parceria com a Universidade Nilton Lins, Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa) e Universidade Federal do Amazonas (Ufam).

“O diferencial do nosso trabalho é oferecer um produto que atenda às condições da região, como qualidade da água, espécies de peixes e, no futuro, de camarões. Logística para o funcionamento do sistema e profissionalização de recursos humanos”, destacou a pesquisadora do Inpa. “Tudo isso é essencial para a aplicação e sucesso dessa tecnologia”, completou.

Segundo Gusmão, resultados de pesquisas desenvolvidas pelo Inpa e parceiros com o sistema de bioflocos mostram resultados promissores. Para a matrinxã se observou o aumento da sobrevivência maior que 70% das larvas, diminuição do canibalismo e densidades de estocagem elevadas e maior produtividade na larvicultura da espécie. Com o tambaqui se obteve redução do nível de proteína na ração de 32% para 24% durante a recria, eficiência nas fases iniciais da espécie com sobrevivência acima de 140% e maior crescimento das larvas.

“A adequação da manutenção do sistema BFT, que exige uma adaptação de todas as variáveis de qualidade de água, para as condições amazônicas também tem sido avaliada e já está bem estabelecida”, conta Gusmão.

Inscrições

O evento é gratuito, com direito a certificado e destina-se a pesquisadores, professores, estudantes de graduação, pós-graduação, produtores e profissionais da área. Inscrições podem ser feitas clicando aqui.

Submissão de trabalhos

O evento conta com uma seção para a submissão de trabalhos científicos. Cada pesquisador poderá submeter até 02 trabalhos no modelo de resumo simples. Os trabalhos devem ser enviados até o dia 12/06. Clique aqui para mais informações.

Minicurso

Nos dias 21 e 22, haverá o minicurso “Qualidade de água em sistema de bioflocos”, destinado a acadêmicos, pesquisadores, técnicos e produtores aquícolas interessados em aprender sobre os parâmetros de qualidade de água que interferem na produção de peixes e camarões em sistema de bioflocos, além do manejo para manter a qualidade de água.

Com duração de 12h, o minicurso será ministrado em formato online e ao vivo, por quatro profissionais com expertise na produção de camarões e peixes em BFT. Apenas para o minicurso será cobrada inscrição no valor de R$ 100. Clique aqui para fazer a inscrição.

Programação

Clique aqui para conferir a programação completa do evento.

Categorias
Charges
Capa Aquicultura Cigana
Aquicultura Cigana
Charge Edição nº 5 Publicado em 01/05/2017
Informativo

Assine nosso informativo para receber promoções, notícias e novidades por e-mail.

+55 (48) 9 9646-7200

contato@aquaculturebrasil.com

Av. Senador Gallotti, 329 - Mar Grosso
Laguna - SC, 88790-000

AQUACULTURE BRASIL LTDA ME
CNPJ 24.377.435/0001­18

Top

Preencha todos os campos obrigatórios.

No momento não conseguimos enviar seu e-mail, você pode mandar mensagem diretamente para contato@aquaculturebrasil.com.

Contato enviado com sucesso, em breve retornamos.

Preencha todos os campos obrigatórios.

Preencha todos os campos obrigatórios.

Você será redirecionado em alguns segundos!