Principal Artigos

Artigos

Desenvolvimento de Tecnologia para a Produção de Peixes Ornamentais Marinhos no Lapom/UFSC

Aquaculture Brasil
0
0
Os peixes estão entre os mais populares animais de estimação do mundo, e a indústria do aquarismo representa um importante setor do mercado nacional e internacional de peixes. Na década passada, os peixes ornamentais marinhos perfaziam aproximadamente 20% do total de peixes ornamentais comercializados em todo o mundo, movimentando um total de três bilhões de dólares anuais, através de um comércio internacional, bem-estruturado, multimilionário e de grande importância para os países em desenvolvimento (Andrews, 1990).

Integração universidade e empresa impulsiona avanços nutricionais na criação de atum

Aquaculture Brasil
0
O atum é uma das espécies de peixes mais apreciadas mundialmente e vem despertando o interesse no desenvolvimento de sua aquicultura, que está cada vez mais aprimorada. Embora a produção de juvenis seja incipiente, a engorda em tanques-rede com juvenis selvagens capturados já é realizada em vários países como Austrália, Espanha, Grécia, Japão e México, com uma produção anual de aproximadamente 50 mil toneladas (Wijkstrom, 2012).

Soft crab a partir do Callinectes sapidus: uma oportunidade de mercado

Aquaculture Brasil
0
Os crustáceos são cobertos por um rígido exoesqueleto, ou cutícula, que consiste num complexo quitina–proteína impregnada por cálcio, que age como uma barreira física ao meio ambiente, e para o animal crescer, é necessária a troca deste exoesqueleto. A ecdise, ou seja, a troca do exoesqueleto é feita periodicamente durante a vida da maioria dos artrópodes, incluindo os crustáceos. O período de uma ecdise à outra é conhecido como ciclo de muda.

Estudos nutricionais na Deakin University

Aquaculture Brasil
0
O Nutrition and Seafood Laboratory da Deakin University - Austrália, ou NuSea.Lab como e mais conhecido, e amplamente reconhecido por suas pesquisas aquícolas aplicadas tanto nacional quanto internacionalmente. Estabelecido em 2007 pelo professor Giovanni Turchini e pelo Dr. David Francis, sua visão consiste em “contribuir positivamente para o aprimoramento da sustentabilidade ambiental, viabilidade econômica e responsabilidade social dos setores de nutrição e pescado (frutos do mar)”, com uma missão especifica de “fomentar a pesquisa e o desenvolvimento inovador e oportuno como soluções para os setores de nutrição e pescado através de novas ideias, experimentação minuciosa e publicação dos resultados obtidos”.