Principal Notícias Cultivo de Algas Um oceano de oportunidades para startups do setor de pescado

Um oceano de oportunidades para startups do setor de pescado

Um oceano de oportunidades para startups do setor de pescado
0

Os frutos do mar estão entrando no território dos “alimentos verdes”, ou seja, estão começando a tornar-se mais sustentáveis. Além disso, as pessoas estão consumindo diferentes espécies, algumas desconhecidas há pouco tempo, e mesmo em locais no interior dos continentes. O que antes era desperdício agora é um “lanche premium”. As pessoas estão entendendo que cultivar pescado é algo extremamente benéfico. A sustentabilidade é um padrão mínimo, não um luxo.

Somente no ano passado, cerca de 200 inovadores em frutos do mar entraram na rede de pescado 2.0. Então, como está hoje o futuro dos frutos do mar?

As pessoas estão aprendendo a olhar além de camarão, atum e salmão. Peixes como o barramundi e bijupirá estão se tornando populares em alguns mercados. Fornecedores de frutos do mar mais sustentáveis estão transformando espécies que costumavam ser jogadas fora em alimentos sofisticados, e chefs de cozinha estão comprando espécies invasoras (como o peixe-leão) e iguarias negligenciadas (como o caviar de lagosta). Ao mesmo tempo, está mais fácil cultivar salmões de maneira sustentável, sem perder seu sabor, além de outras espécies, graças a melhores alimentos, prevenção de doenças e sistemas alternativos de produção.

Muitas startups estão trabalhando nos desafios de rastreabilidade e transparência da origem do pescado. Há poucas dúvidas de que em breve será possível saber com precisão quem capturou o peixe, onde foi capturado, a temperatura que foi mantido etc. Sensores, robótica, câmeras em rede e outras tecnologias que operam dentro e fora da água estão ajudando pescadores e aquicultores a coletar e analisar dados em tempo real, para que possam capturar e cultivar pescado da melhor maneira possível.

A aquicultura cresce 5,8% ao ano e representa mais da metade do pescado que é consumido no mundo, com tendência a representar cada vez mais.

As soluções para os desafios de sustentabilidade da aquicultura estão chegando ao mercado. Além do problema da ração, estão sendo desenvolvidas fazendas oceânicas à prova de fuga, cultivos terrestres com eficiência de recursos, medicamentos naturais, captura e reciclagem de resíduos de pisciculturas e laboratórios mais produtivos.

O futuro da aquicultura já chegou!

Fonte: Aquaculture Magazine